|

Perguntas sobre o próximo concurso

Um monte de gente pergunta sobre o próximo concurso para oficial de chancelaria.

De acordo com o MRE, não existe previsão de um novo concurso.

Ainda existem pessoas na fila do último concurso. Somente após terem chamado todos é que o MRE vai pensar em pedir autorização para um novo concurso.

Isso se houver vagas suficientes para um concurso. Se o PL que está na Câmara for aprovado e virar lei, é possível que o MRE peça a autorização, mas a aprovação do PL ainda é uma incógnita.

O que há de certo e oficial é que não existe nenhum pedido para um novo concurso.

Por essa razão, não tem como saber qual vai ser a organizadora, quais serão as matérias, quantas vagas serão oferecidas e outros questionamentos.

Aproveitem o tempo para estudar as matérias básicas, que caem em todos os concursos. Estudem inglês também já que essa matéria foi crucial no último concurso.

Estudar com tanta antecedência vai dar uma vantagem sobre aquelas pessoas que decidem estudar somente quando sai o edital.

Tags: , , ,

100 Responses for “Perguntas sobre o próximo concurso”

  1. annie says:

    Valeu Angelo, ótima notícia!

  2. Juliana says:

    Gostei muito do seu blog, Cláudia!
    Tenho uma colega OfChan e conheci essa profissão através dela. Estou caçando informações e tenho acompanhado a evolução do PL para que possa prestar também.

    Parabéns!!!!

  3. Luciene says:

    Olá Cláudia. Primeiramente parabéns pela aprovação!!! Também tenho muito interesse em estudar para o próximo concurso, no entanto, meu marido e eu estamos removidos …então acabo tendo um dificuldade em freqüenta algum cursinho. Gostaria de saber, se você pode me passar nome/email (se possível) dos professores de inglês e português para redação pois pretendo muito estudar a distância. E queria saber se você ou alguma outra pessoa já estudou pelo ponto dos concursos e o que achou. E ainda se possível algum cronograma de estudo porque realmente estou perdida e nem sei como e por onde começar. Desde já agradeço e peço desculpas por tantas perguntas.
    Abraços,

  4. silviak says:

    De onde veio essa informação de que o último concurso foi prorrogado? Alguém tem referência da publicação sobre isso?

  5. claudia says:

    Saiu no DOU.

  6. Tereza dantas says:

    Caros colegas vai aí minha dica .
    O diplomaciamg curso preparatório para carreira diplomática e of de chancelaria vende cds mais materias com todas as matérias do último edital. Adquiri as aulas e estou estudando pelos cds . Quero estar bem preparada para quando sair o edital OFICIAL DE CHANCELARIA ,

  7. Luciene Alves says:

    Olá Tereza,

    Já ouvi falar desse material. É realmente bom? Achei estranho o site.

  8. Carlos Henrique says:

    Saiu uma notícia boa no Correio Braziliense (Concursos) sobre nomeação dos oficiais de chancelaria. Quem está nessa turma, BOA SORTE!!!!!!!!

  9. Juliana says:

    Gente… nada surge? Nossa, tinha uma esperança que dessem alguma notícia positiva quanto ao concurso… Mas até agora… 🙁

  10. Angelo says:

    Claudia, no ultimo acompanhamento que consgeui do pl 7579/2010 ele havia sido remetido à mesa da câmara. agora tento verificar e o link está fora do ar. sabes se recebeu uma nova numeração no senado?

  11. claudia says:

    Ele ainda está em fase de recurso. Vai ficar na Câmara por cinco sessões a partir do dia 25. Então, provavelmente, ele deve ir pro Senado só a partir do dia 4/11.

  12. Joana says:

    Foi para o Senado esses dias…
    Claudia, pensando com a logica do governo, sera que seria possivel fazerem uma turma para o curso de formacao com os 168 remanescentes do ultimo concurso? A turma teria “validade” so ate 2013…

  13. claudia says:

    Oi Joana,

    Olha, isso é muito discutido entre a gente. Um grupo acha que o edital foi claro ao dizer que uma das fases do concurso era o CF e quem não tinha feito estaria reprovado. Outro grupo, no qual eu me incluo, alega que o que o edital quis dizer é que uma pessoa, convocada pro CF, simplesmente não compareça, está eliminada.

    No caso dos 300 (não entendi o número 168) que não fizeram o CF, acredito que o MRE poderia homologar uma nova lista de aprovados e convocar pro CF.

    Eu não pensava assim, mas faz muito mais sentido isso, ainda mais quando é possível homologar uma nova listagem. O que não poderia ocorrer é alguém que já fez o CF e não tomou posse por qualquer motivo, ser nomeado. Essa pessoa já perdeu a chance dela.

    O MRE provavelmente cogitou essa possibilidade (de novo CF), mas existem dúvidas maiores do que a possibilidade de uma nova homologação. Por exemplo, as vagas originais foram todas preenchidas, tanto é que agora o MRE quer chamar 50% a mais do que essas vagas, os famosos 75. Caso fizesse um novo CF, teria que conseguir autorização pra chamar além dos 50% e essa autorização é dada pela Presidência. É algo excepcional e difícil de ocorrer.

    Não adiantaria o MRE fazer um novo CF se não tiver essa autorização, e a Presidência jamais daria uma autorização se não existe uma urgência. Vamos supor que, depois da posse dos 150, os outros 150 ficassem na fila aguardando a convocação e nada ocorresse até uns dois meses antes de terminar a validade final do concurso. O MRE teria urgência, nesse caso, e o grupo de excedentes seria superior a 50% do número original de vagas. Então o MRE poderia pedir autorização pra chamar todo o resto.

    Somente por essa razão é que eu não acredito que eles farão um novo CF. Eu sei que, na prática, não faz sentido algum, já que as pessoas além dos 300 homologados, fizeram uma das provas mais difíceis que já vi, estão perfeitamente capacitados, bastando somente fazer um CF. Mas as regras atuais dos concursos atrapalham isso.

    De qualquer forma, parece que vai ter mesmo um novo concurso ano que vem, então essa possibilidade, de um novo CF, pode ser descartada.

  14. Joana says:

    Uau. Eu quero ter um entendimento assim claro das coisas!…
    Entao. Os 168 sao os remanescentes nao PNE (acredito que todos os PNE fizeram o CF, nao?), porque a lista de aprovados na fase 2 nem chegou a 500. Olhei a lista do CF e vi que foi chamado ate 318o lugar, subtrai do ultimo geral e deu 168.
    Eu tinha pensado que, se a lei de criacao de cargos for aprovada, o MPOG ficara numa saia justa se nao aprovar a convocacao dos 50% do concurso – afinal sao mais de 1000 vagas – o que vai acabar por esgotar a lista do CF, e mais umas 100 pessoas – o que justificaria outra turma rapida de CF da lista de 2009. O que empataria nesse caso é que é pouca gente (menos de 200), numa lista antiga com validade curta, e da qual muita gente ja pode ter desistido, passado em um concurso mais interessante, etc. Vou ler o edital de novo, pra ver se ele nao limita as vagas àquelas ja descritas, o que inutilizaria a lista (foi disso que vc falou sobre a Presidencia?) Eu ficarei muito contente se fizeram outro CF que me inclua… estou no Canada e vou pro Brasil pro CF, mas nao tenho certeza se iria pra fazer um outro concurso!

  15. Joana says:

    Opa, agora que eu reli as normas que constam do edital ‘e que eu entendi mesmo o que voce escreveu. Que pena que a autorizacao da Presidencia seja inusual – seria a forma mais agil (eficiente…) de preencher essa primeira leva de vagas da lei.
    Forca ai pra quem for fazer o proximo!

  16. claudia says:

    Oi Joana,

    Eu não lembrava que a lista de aprovados não tinha chegado a 500. Pra vc ver como nossa prova foi difícil. O justo seria aproveitar todo mundo.

    Essa autorização da Presidência não é muito comum, realmente, mas não é impossível. O difícil é saber se o MRE vai querer pedir isso.

    Eu soube que vc foi pro Canadá! É lindo demais, né? Mande fotos 🙂

  17. Joana says:

    Eu adorei a prova… mas foi meio dura sim. Eu considero a selecao como tendo sido justa. Mas quem ficou na lista final, todo mundo, esta superqualificado pra entrar, sem duvida.
    Puxa… eles tinham que por na norma uma excecao ao limite de 50%… da pra entender o porque do limite. É uma garantia para os candidatos que as vagas pedidas no edital correspondem grosseiramente às necessidades mesmo. Mas as excecoes existem, como agora – criacao de muitas vagas. Pouparia tempo e dinheiro se a lista pudesse ser mais extensamente aproveitada. Bom, mas de qualquer maneira, vai ter que acontecer mesmo outro concurso. So que daria pra chutar o gasto publico pra depois…
    Estou na costa leste, sei que voce quer ir pra Vancouver, ne? É longe pra caramba daqui! Mas tenho dois amigos de la. Normalmente o clima la é bem mais agradavel, so neste ano é que esta fazendo mais frio do outro lado. E por aqui… depois que a gente acostuma com o frio, a neve por 4 meses e se lixa pra o periodo curto de luz, tudo fica otimo. Em todo caso tem uma megacidade subterranea em Montreal, a maior do mundo!
    Eu mando umas fotos sim, pra te inspirar a vir mais rapido 🙂 Mas… mando pra onde?

  18. claudia says:

    Pois é, existem muitas situações injustas, mas as regras se aplicam às situações e não às exceções, infelizmente.

    Quanto a Vancouver, ainda é um sonho meu. Algum dia eu vou, nem que seja só pra passear.

    Vou te mandar um email, ok?

  19. igor says:

    Especulações sobre um proximo concurso
    Pergunta bem básica: já se tem algum fato concreto, ou nem tanto/boato mesmo de qual a organizadora de um possivel proximo concurso?
    Outro exercício de futurologia: julgando a partir dos fatos tais quais são hoje, falta quanto tempo até esse proximo edital ser publicado?

    Em tempo, não prestei a prova de 2008, to apostando minhas fichas nesse que está pra sair.

  20. claudia says:

    Ih, essas perguntas são pra Mãe Dinah. Vou perguntar pra ela, peraí.

    Pronto, voltei. Ela disse que um novo concurso deve ocorrer, com certeza. Ela até acha que teve uma visão de um monte de gente estudando pra um concurso, pode ser esse, ou outro.

    Brincadeiras à parte, ninguém sabe quando vai sair um novo concurso, nem qual vai ser a banca, ou quais serão as matérias. A única certeza é que haverá um novo concurso. O Projeto de Lei para criação de mais vagas já está quase virando lei, e o MRE pretende preencher essas vagas novas algum dia. Quando vai ser isso? Não sei. Só sei que, enquanto não chamarem os excedentes, não tem novo concurso, não importa quantas vagas sejam criadas.

    Uma dica que ouvi uma vez foi a de estudar, mesmo que o concurso demore muito. O que a gente aprende não é desperdiçado e já dá uma vantagem em relação aos candidatos que começam a estudar só quando sai o edital.

  21. Thálita says:

    Uma informação quem sabe interessante: o processo pra nomeação dos 75+ no MPOG finalmente andou. Desde dezembro de 2009, mês em que foi cadastrado, esse processo não havia tido um único andamento. Agora, no último dia 14, ele finalmente foi movimentado, e depois disso houve mais outras TREZE movimentações. Será um bom sinal? Fingers crossed!

  22. claudia says:

    Oi Thálita, nós vimos a movimentação e, realmente, é um ótimo indício de que as coisas recomeçaram a andar.

    Obrigada!

  23. OI Claudia. Eu gostaria de saber se vc se lembra do tema de redação da prova de português e inglês na ultima prova para o concurrso de ofchan, se tiver por favor me diga. ABRAÇOS e feliz natal

  24. Carlos Henrique says:

    Ver DOU. página 115. Primeira seção. Tem boas noticias por lá.
    Parabéns!

  25. claudia says:

    Lucas, já faz um tempinho e eu não lembro muito bem.

    O que eu lembro é que a de português falava algo a respeito de segurança de informação. A de inglês era a respeito do impacto, na política externa brasileira, de um discurso do Obama sobre armas nucleares e outro assunto que não me recordo.

    O tema de inglês foi bem complicado por causa disso. Era para fazer uma dissertação sobre um discurso que falava de outra coisa.

  26. claudia says:

    Oi Carlos

    Nós vimos a publicação. Até que enfim, né? Pena que não foi completa. Mas acho que, no começo do ano, o resto da autorização sai.

    Obrigada!

  27. Rosa says:

    Claudia,
    Eu já tinha comentado aqui a possibilidade que existe, de acordo com o edital, de chamar o restante dos aprovados de 2009 para uma segunda turma de formação.
    Você até concordou com a hipótese, mas considera não ser possível por causa da lei dos 50% (que só pode chamar metade do número das vagas ofertadas).
    Mas essa lei foi criada depois do edital e do concurso realizado e, em teoria, uma lei não poderia retroagir para prejudicar os demais aprovados. O que você acha?

  28. claudia says:

    Rosa, de acordo com a legislação vigente à época do concurso, havia a possibilidade do MPOG autorizar a convocação de mais 50% das vagas previstas no Edital. Desde então, ou seja, desde o lançamento do edital, houve uma alteração da situação, com a edição de um Decreto que, nesse caso específico dos 50%, veio somente pra consolidar o que já existia. Ou seja, fica tudo como antes. O MPOG pode, assim como podia, autorizar a convocação de mais 50% das vagas originais. O que mudou com o Decreto é que os órgãos não podem mais homologar os concursos com mais do que o dobro do número de vagas.

    No caso do concurso pra ofchan, o MRE convocou para o CF e, posteriormente, homologou a lista de aprovados contendo exatamente o dobro do número de vagas. Se tivesse agido de outra forma, no entanto, nada aconteceria pq o Decreto prevê os casos ocorridos anteriormente à sua edição e diz que cabe a cada órgão decidir como agir.

    Quando eu disse que não seria possível um segundo curso de formação, não quis dizer que isso seria devido à hipótese dos 50%. O que ocorre é que o MPOG só tem delegação de poderes pra autorizar até 50% por cento do número original de vagas. Além desse percentual, somente a Presidência pode autorizar.

    Além disso, para que isso ocorra, é preciso que hajam vagas disponíveis, o que não é o caso.

    Na hipótese das novas vagas que estão sendo criadas pelo PL surgirem ainda dentro da validade do concurso, seria possível, em tese, para o órgão convocar um novo curso de formação. Mas essa possibilidade pode não se aplicar ao MRE. O edital foi muito ambíguo nesse sentido. Ele fala da possibilidade de convocação de mais candidatos para o CF mas, ao mesmo tempo, diz que o CF é uma das etapas do concurso e quem não fez o CF não estaria aprovado.

    Por essa razão houve a homologação somente de quem fez o CF.

    Sinceramente, eu não vejo o MRE entrando nessa discussão jurídica, batendo de frente com o MPOG, para convocar uma quantidade de candidatos que pode não ser suficiente para preencher as vagas pelas quais eles vêm lutando desde o ano passado.

    Eles querem fazer um concurso por ano, chamando de 100 a 125 candidatos. Caso façam um CF agora, não teriam esse número, ou não têm com garantir esse número. Já se passaram dois anos desde a homologação do concurso, daqui a dois meses serão três anos desde a realização das provas.

    Imagine o MRE deixando de pedir um novo concurso, convocando um número que deveria ser de 168 candidatos para um novo CF. Daí metade disso comparece. E o MRE teria que pedir autorização pra Dilma pra chamar essas pessoas. A pergunta que o MPOG e a Presidência fariam seria: porque não pediram um novo concurso? Vcs têm as vagas, têm orçamento.

    Claro que isso é o que acho que se passa na cabeça dessas pessoas. Já estou há dois anos esperando uma autorização do MPOG e, recentemente, a autorização foi dada, pela metade.

    Não faz sentido algum, e demonstra que eu, de fato, não sei o que se passa na cabeça desse povo.

    Como eu já disse muitas vezes, eu adoraria que fizessem um novo CF, mas só esperando pra ver o que vai ocorrer.

  29. Rosa says:

    Obrigada pelos esclarecimentos, Claúdia, ficou mais claro.

    Não entendi o número da Joana (comentário acima) sobre 168 restantes para um segundo curso de formação, se fosse o caso. Nos meus cálculos seriam 182, retirando os PNE, mas posso estar enganada.

    Não sei se dá para ter esperanças, mas após a aprovação do PL, o MRE poderia solicitar autorização para chamar 172, remenescentes dos 75 + novo CF, dos cargos transformados de Assistente para Oficial, e que não possuem aumento de custo no orçamento, pois já estão previstos.

    E abrir concursos para as novas 893 vagas criadas, a partir da previsão orçamentária dos próximos anos. Seria uma saída justa.

    Se outras pessoas que estão na lista para um segundo CF desejarem, quem sabe juntos teríamos voz para solicitar algo? Só nos resta acreditar…

    Grata e abraços.

  30. claudia says:

    Eu não lembro quantas pessoas ficaram além dos 300, mas tem que contar as pessoas que foram chamadas pro CF. É que houve uma última chamada que pegou umas 12 ou 13 pessoas.

    O MRE não precisa pedir uma autorização extra pros 75. Já existe esse pedido e uma autorização pra 36 já foi dada. Agora é preciso aguardar o restante da autorização. Não dá pra misturar 75 com quem não fez o CF. São vagas distintas. Na verdade, as vagas dos 75 já existem, e elas só podem ser ocupadas por quem já fez o CF e está na lista de aprovados.

    Quanto a um segundo CF, como eu já disse, eu duvido muito. Existem muitas dúvidas quanto à legalidade de um novo CF, e o MRE não parece disposto a se embrenhar nessa discussão.

    O melhor é se preparar para um novo concurso que virá, com certeza.

  31. Thiago P says:

    Prezada Claudia,

    Com relação ao material de estudo, quais seriam as doutrinas mais indicadas (então, escolhidas pela banca)? Carvalho Filho para Dir. Administrativo? Alexandre de Moraes para Dir. Constitucional? Furtado para AFO? E, também… existe algum site de video-aulas (como o Aprova Concursos) recomendado para esse concurso?
    Abraço

  32. claudia says:

    Não se sabe se vai haver um concurso, nem qual banca seria. É difícil dizer qual vai ser o conteúdo, ou bibliografia.

  33. Marcio says:

    Alguém tem a lista do forum, indicando a colocação dos 75? Ou saberia ao menos dizer quem devem ser os 36?

  34. mirna says:

    Oi Claudia,

    Por favor vc poderia me dizer qdo saiu a autorização para + 36? Foi no DOU? Na pagina do MPOG? Não entendi o que vc disse, ie, o pedido era pra + 75 e saiu pra + 36. Como fica a diferença entre o pedido e o autorizado? Isso vai requerer novo pedido por parte do MRE? E, por fim, vc sabe até quem da lista será chamado ? Houve desistencias ou gente que passou em outros concursos, etc… No site do fórum tinha uma lista com essas info, mas ela saiu do ar….

  35. claudia says:

    A autorização foi publicada na sexta passada, dia 23, no DOU, Seção II. O pedido era pra 75, mas o MPOG só liberou 36. Não se sabe quando eles vão liberar o restante. Provavelmente, o pedido que já foi feito vai continuar rodando lá dentro, até sair a autorização. Foi assim que aconteceu com outros concursos.

    Não sei dizer até quem será chamado pq existem desistências no meio do caminho. Vc acha que está entre os 36?

  36. mirna says:

    Oi Claudia,

    Antes de qq coisa: SUPER HIPER OBRIGADA pelas suas informações. Vc é sempre gentil e atenciosa.
    Infelizmente, não estou não. MAS se acender vela ajuda, então aqui já tem um candelabro inteiro pegando fogo. E meu pedido não é só pra mim, mas pra todos os que estão na lista de espera.

    Aproveito pra desejar a vc um ótimo 2012. Aliás, tenho fé de que a coisa não demora a sair. Vc falou com a Dona Dinah e eu com a Dona Dagmar… então até breve no DF!

  37. claudia says:

    Obrigada pelo apoio 🙂 E pelas velas acesas, hheheheh

  38. Kika says:

    Para os que pediram, o tema da redação de inglês do concurso de 2009 foi o seguinte: “In your opinion, what would be the impact on Brazil´s foreign policy of Obama´s statement: “With old friends and former foes, we will work tirelessly to lessen the nuclear threat, and roll back the specter of a warming planet”. (20 a 30 linhas).

    A proposta de redação de Português tinha um texto do Machado de Assis para reflexão (não tenho aqui, desculpa!) e o tema era: “exponha, de maneira clara e consistente, seu ponto de vista sobre o modo como o funcionário público poderia e/ou deveria se manifestar nos meios de divulgação de sua época”.

  39. Kika eu ja tinha postado uma pergunta a cláudia querendo saber o tema nao só para portugues mas também para ingles muito obrigado e tudo de bom pra você.

    ABRAÇOS E BEIJOS

  40. AnthonyJr says:

    Saudações!
    Claudia, parabéns pelo seu blog, achei excelente!! A carreira dentro do Ministério das Relações Exteriores sempre me fascinou mas, por motivos diversos nunca pude me dedicar aos estudos destinados a esse concurso. Agora, estou decidido a estudar para Ofchan!
    Já li os comentários do pessoal aí sobre o novo concurso, matérias etc e mesmo assim gostaria de propor aos colaboradores para postarem quais as matérias que acreditam que serão cobradas visto que nos dois últimos concursos as matérias foram diferentes.
    Português e Inglês é lógico que virão. E as demais? Quais suas opiniões?
    Abraços e bons estudos a todos!

  41. Teté says:

    Olá, gostaria de perguntar se a carreira oferece a possibilidade de ficar em Brasília. Sou de S. Paulo e me apaixonei por esta cidade, não gostaria de morar em outro lugar. Obrigada pela resposta!

  42. claudia says:

    Sim! Na verdade, é mais complicado não ficar em Brasília. É preciso cumprir dois anos em Brasília, antes de poder sair em remoção. Muitas pessoas fazem o concurso esperando conseguir uma transferência para os Estados de origem. Alguns poucos conseguem.

    Que bom que vc já gosta de Brasília.

  43. Maris says:

    Prezados,
    ouvi de um amigo do Planejamento que o concurso Ofchan está paradinho da silva na fila de concursos 2013. Que não há previsão em vista. Mas não esmoreçamos! Vamos continuar a estudar. Abraços

  44. Veber Metelaro Urchei says:

    Ola Cláudia e frequentadores do blog,
    Recentemente soube sobre a carreira de Oficial de Chancelaria e me interessei por ela. Vocês teriam informações sobre a possível realização de um concurso no ano de 2013?
    Obrigado

  45. claudia says:

    Não há nada certo sobre um concurso esse ano. Faltam vagas e o concurso anterior ainda não venceu.

  46. Veber Metelaro Urchei says:

    Obrigado. Gostaria também de parabenizá-la pelo excelente blog.

  47. claudia says:

    Obrigada, Veber.

  48. Daniel says:

    Ola, Claudia –

    Voce acredita que todos os aprovados (excedentes) do ultimo concurso serao nomeados?

  49. claudia says:

    Sim, acredito. São 29, sendo que, desses 29, 5 são para substituir vacâncias.

Leave a Reply